Buscar
  • Marli Mazon

O trabalho é um fardo na sua vida?


“Olhar para o trabalho como uma oportunidade para a própria evolução pessoal permite resignificar eventos e mudar o próprio estado emocional”.








Você gosta do seu trabalho? Se a sua resposta é sim para esta pergunta você é muito privilegiado por que existem muitas pessoas que não gostam do que fazem. Muitas vezes o trabalho se torna um sofrimento que pode afetar o bem estar emocional.

Se considerarmos que passamos grande parte da nossa vida trabalhando, a infelicidade no trabalho acaba deixando a vida muito pesada. Para muitos, o trabalho chega a ser um fardo difícil de carregar. Mas será que precisa ser assim? O que fazer, então, caso não tenhamos nenhuma perspectiva de mudanҫa profissional no momento?

Mudar o olhar em relação à propria situação profissional pode aliviar os sentimentos que geram o sofrimento. Questionar-se para se tomar consciência dos principais fatores que contribuem para o que trabalho atual seja motivo de infelicidade, é fundamental.

A insatisfação profissional em grande parte dos casos é ligada às relações. As tarefas que executamos podem ser até entediantes, mas, as relações tem um peso fundamental para o nosso grau de motivação quando levantamos da cama para ir ao trabalho. Por exemplo, se você não gosta muito do que faz mas você gosta das pessoas que trabalham com você, dificilmente o trabalho será um fardo pois um ambiente nutrido de boas relações é um ambiente saudável e pode compensar o tédio do task.

Por outro lado, se você gosta do que faz mas tem que interagir com pessoas para com as quais você nutre sentimentos negativos, é muito provável que o bem estar emocional seja afetado tanto na empresa quanto fora dela.

Quando se trata do ambiente de trabalho, muitas questões nos afetam como promoções, merecimento, gerenciamento, “justiça”, competiҫão, entre outras. Fatores estes que são abstratos e subjetivos e sobre os quais a mente de cada um faz as próprias assunҫōes. Quando sentimos que fomos injustiçados; que nós mereciamos a promoção que foi dada a outra pessoa; quando nos comparemos com os outros e achamos que eles tiveram um progresso mais rápido; quando não gostamos do nosso chefe; estamos focando no que está “errado” de acordo com a nossa perspectiva pessoal.

O que fazer então para mudar o olhar e ser mais feliz no trabalho?

A resposta é pegar a responsabilidade pela situação profissional em que você se encontra. E o mais interessante é que quando você pega a responsabilidade pelas suas cirscunstâncias atuais e pelo sentimentos que nutre pelos seus colegas, você se empodera para mudar a situação. Confira alguns exemplos de como questionar-se para resignificar fatos relacionados ao ambiente de trabalho.


“Olhar para o trabalho como uma oportunidade para a própria evolução pessoal permite resignificar eventos e mudar o próprio estado emocional”.



· Sempre pergunte-se o que você pode aprender com a situação que te incomoda e encontre algo positivo.

· Observe os comportamentos dos seus colegas que você não gosta e reflita sinceramente em quais áreas da sua vida você manifesta os mesmos comportamentos. Lembre-se que as outras pessoas são espelhos que refletem o que não gostamos em nós memos.

· Quando você se sente injustiçado, faça uma reflexão honesta sobre o fato de você ter ou não feito o melhor que podia. Qual foi a diferença que fez a diferença para que alguém tivesse a promoção que você queria? Talvez você possa reconhecer que você poderia ter feito algo diferente, se comportado em um modo diferente. Talvez você possa reconhecer os talentos da outra pessoa antes negados. Pode ser também que a situação em questão o tenha feito sair da sua zona de conforto levando-o a olhar para outras possibilidades ou para desenvolver novas abilidades.

· Quando você pensar que gostaria de ser tratado em um modo diferente pelos seus colegas, comece a tratá-los do modo em você gostaria e o comportamento deles mudará como consequência. Por exemplo, você pode ser colaborativo e gentil mesmo que não sinta o mesmo dos outros. Seja o protagonista e coloque em ato a mudança que você quer que ocorra.

· Não concorda com ou não gosta do seu gerente? Experimente colocar-se no lugar dele. Ele provavelmente tem que gerenciar pessoas com as quais não simpatiza, pessoas que reclamam muito, que não entregam o resultado que poderiam. Acima de tudo, veja-o como um ser humano e não espere a sua perfeição. Imagine o seu gerente sempre sorrindo para você e quando for falar com ele imagine mentalmente o resultado desiderado da conversa. Sobretudo tenha uma intenҫão sincera de melhorar a sua relaҫão com ele.

Abrace a sua jornada e lembre-se de que colocar em ato todas as dicas acima para melhorar o seu ambiente de trabalho no momento presente não o impede de planejar-se para alҫar novos vôos. Aliás será de grande contribuição para que isto aconteҫa.




11 visualizações1 comentário

Posts recentes

Ver tudo